Dia dos Santos Inocentes

Hoje não acredites em nada do que te diga um espanhol! É “Día de los Inocentes” e o mais provável é que te preguem alguma partida!

zblog.png1

No Novo Testamento é relatado por S. Mateus que Herodes, depois de saber do nascimento de Jesus, ordena a morte de todos os bebés com menos de 2 anos nascidos em Belém, para assegurar-se de que o tão esperado Messias, que um dia viria a ser Rei de Israel, desaparece. Desde então, a Igreja Católica celebra a 28 de Dezembro o dia dos Santos Inocentes, em honra a todas as crianças que foram assassinadas.

E neste dia nasceu uma das tradições mais populares e divertidas do Natal espanhol (e sul americano): é permitido pregar partidas “inocentes” a qualquer pessoa, assim como é costume comprar artigos divertidos nos típicos mercados de Natal espalhados pelas cidades (tinta falsa, perucas, petardos, etc). Até os próprios meios de comunicação costumam participar nestas partidas e difundir alguma notícia falsa.
Diz-se também que neste dia não se deve emprestar nada a ninguém, já que a pessoa a quem emprestamos as coisas é livre de se considerar o legítimo dono e apropriar-se dos bens. E quando fores pedir as coisas de volta podes sempre ouvir um “Inocente palomita que te dejaste engañar, sabiendo que en este día nada se puede prestar”.
imagesUma das partidas mas conhecidas, e que mais se fazem neste dia, é colar um boneco feito de papel branco nas costas das outras pessoas. Quando isto acontece diz-se que lhe fizeram uma “inocentada”
Muitas zonas de Espanha têm também, durante o dia 28 de Dezembro, outras celebrações próprias: a Fiesta de Los Locos de Jalance (Valência, onde o presidente dos Locos governa a cidade durante 24 horas), a Fiesta de los Santos Inocentes de Noglate (Murcia, com bailes populares e canções das cuadrillas), a Danza de “Los Locos” de Fuente Carreteros em Córdoba, o “Obispillo” (Burgos, Palencia e Murcia, é escolhida uma criança para, durante um dia, ocupar as funções do Bispo) ou a “Festa dels Enfarinats” de Ibi (Alicante, onde é feita uma batalha campal com recurso a farinha, ovos e petardos).

Em Portugal, e em países Anglo-saxónicos, a celebração mais parecida que temos é o 1 de Abril, dia das mentiras, se bem que para nós (acho eu) não tem tanta tradição como para os espanhóis.

bromas-inocente-inocente

Por isso já sabem! Tenham cuidado que eles “andem” aí 😀

—-

Já conheces o board do Desbravando Madrid no Pinterest?

Visita a página do Desbravando Madrid no Facebook e faz like!

Segue o Desbravando Madrid no Twitter!

Adiciona o Desbravando Madrid aos teus círculos do Google+!

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s